Feirinha inglesa

feira1

No domingo passado eu fui numa feirinha típica de domingo aqui na Inglaterra. Várias barraquinhas de comida – feira aqui tem sempre algo para se comprar para comer e são sempre os stands mais concorridos – e algumas de crafts, como essa aí da foto, que vendia lindos sabonetes envolvidos em uma camada de lã feltrada. Escolhi essa imagem para abrir o post porque é a minha favorita, mas provavelmente você vai curtir todo o resto, olha só!

Continuar lendo

Ziploc na mala

ziploc na mala

Organizar as cinco malas (mais duas mochilas) que nós trouxemos na viagem até que foi fácil. Pena que eu não lembrei de fotografar. Mas não faz mal, porque eu encontrei na web exatamente a mesma coisa que eu fiz: roupas dentro de sacos do tipo ziploc. Os fechos plásticos ajudam na reutilização e os sacos em si são perfeitos para manter as coisas separadas e em seu lugar.

Continuar lendo

Quando a oferta é demais, a gente se perde!

craftshop1

No domingo, voltando de um passeio turístico, dei de cara com uma lojinha daquele tipo que a gente adora. Entrei, claro. Já tentando controlar o consumismo craft – afinal, ainda moro num quarto de hotel, lembra? Mas aí, lá dentro, olhando a quantidade enorme de produtos e pensando em tudo que eu queria ter comprado tantas vezes no Brasil e não encontrei, acabou acontecendo uma coisa curiosa. Eu não comprei nada.

Continuar lendo

A primeira vez é sempre uma aventura

loja de caridade

Primeira vez onde? Em uma loja de caridade inglesa, daquelas que vendem roupas e livros usados. Qualquer peça de roupa por 99 pence (os centavos daqui) e 4 livros também pelo mesmo valor. Na cotação atual, uma libra vale mais ou menos 4 reais. Então as roupas custam um pouco menos do que isso e cada livro um pouco menos do que 1 real. E o melhor é que a gente às vezes encontra coisas muito legais. Como esse avental com estampa retrô, que foi, certamente, o achado do dia.

Continuar lendo

A nova mudança

Parece um pouco estranho falar em “nova mudança”, mas quem lê o blog com regularidade sabe que eu tenho mudado bastante nos últimos tempos e vai entender. A grande diferença é que, desta vez, foi uma mudança e tanto. Eu e minha família mudamos de casa, de cidade, de estado e até de país. É, isso mesmo. Durante os próximos quatro anos, não estaremos no Brasil.

Continuar lendo

Craft room de museu

craft room

Fazia algum tempo que eu não ia ao Castelinho Caracol, em Canela. Agora em março, passei um final de semana na cidade e pude matar a saudade, tanto do apfelstrudel maravilhoso quanto da decoração de época, que eu adoro. Principalmente o craft room que, mesmo sendo de museu, tem personalidade e deixa aquela vontade de sentar e costurar uma coisinha ou outra que seja.

Continuar lendo