Comida de Natal

XmasScene

Hoje de noite – às 6h e 30min da tarde, para ser mais exata – tenho uma festa na casa dos meus vizinhos (antes disso, tenho uma festa infantil, porque em dezembro sempre acontece isso: duas festas no mesmo dia). Saí para comprar algo para levar para a vizinha – escolhi uma torta natalina decorada com flocos de neve linda (espero que também deliciosa), mas vendo tanta comida clássica do Natal inglês, decidi mostrar para vocês. Porque, acredite em mim, a comida inglesa é deliciosa. E, sim, a foto acima mostra uma casa clássica daqui. Todas as casas têm lareira e árvore de Natal e decoração e luzinhas e essa cara que só o frio consegue dar para o Natal.

Continuar lendo

A cara do Natal inglês


cathkidston1

Se eu tivesse que escolher uma única coisa para definir o Natal inglês, não teria dúvidas: o famoso jumper de Natal. Mas, verdade seja dita, a moda natalina vai muito além dos tradicionais suéters de Natal – alguns horrorosos, outros fofos. A foto acima, do site Cath Kidston, diz muito sobre o Natal daqui. Lareira, pijama (com estampa temática, claro!), chá a qualquer hora do dia, decoração clássica para mostrar que Papai Noel está chegando e presentes, muitos presentes.

Continuar lendo

A árvore de Natal de 2015

christmastree1

Ela é uma obra aberta… Tenho a impressão de que todo dia coloco pelo menos uma coisinha a mais na nossa árvore deste ano. Porque de minimalista eu não tenho nada, quando o assunto é Natal. Para mim, para decorar pinheiro vale, sim, a máxima de que quanto mais, melhor. Possivelmente porque eu me divirto pra caramba fazendo-comprando-reciclando tudo que vai parar ali.

Continuar lendo

Calendário do Advento com livros

AdventCalendar1

Calendários do Advento são uma tradição aqui na Inglaterra, geralmente relacionados com doces ou chocolates. Cada criança tem o seu e vai comendo um bombonzinho por dia, até o Natal. É tão popular que você encontra para vender em todas as lojas e supermercados, com personagens dos mais variados – de Star Wars até Frozen. Desde que mudamos para cá, eu fazia para o meu filho com moedas de chocolate, num calendário de feltro em formato de pinheiro que comprei pronto na Hobbycraft. Mas este ano decidi fazer algo totalmente diferente: um calendário de livros.

Continuar lendo

Ninho de passarinho feito de arame e crochet

nestbrooch1

Algum tempo atrás, minha amiga Thaís me perguntou sobre corchet feito com arame. Eu lembrei que tinha tentado fazer, quando ainda morava no Brasil, mas que não tinha ficado bom e que o arame mais grossinho machucava os dedos e os bem fininho se quebrava quando eu tentava trabalhar. Dia desses, encontrei arame colorido fininho para vender. E hoje, enquanto assistia um filme da gloriosa Miss Marple, resolvi tentar de novo. O resultado está aí: um broche em formato de ninho. Algo que eu sempre quis ter e que agora não só tenho, mas foi feito por mim.

Continuar lendo

Exeter

Exeter1

Logo que eu mudei para a Inglaterra, várias pessoas me pediram para escrever mais sobre aqui, para mostrar mais coisas do dia-a-dia daqui. Na época, eu achava complicado fazer isso. Era tudo tão novo, que eu precisava de tempo para absorver tudo que via. Agora, com dois anos de atraso, talvez eu consiga fazer isso. Para começar, decidi mostrar algumas das muitas fotos que eu fiz na semana passada, em Exeter. Eu passei alguns dias lá com a minha família e fiquei impressionada com a capital aqui do Estado de Devon.

Continuar lendo

Aproveitando restos de lãs e fios

crochetflowers1

Eu tenho feito muito crochet, porque descobri que é o craft mais prático para mim: consigo fazer um pouquinho de cada vez e não perder o ritmo, consigo fazer enquanto assisto filmes com o meu filho, consigo fazer enquanto estou esperando por ele na aula de piano… Então tenho crochetado bastante e, por conta disso, tenho ficado com muitas sobras de lãs e fios em geral. Como não gosto de guardar restinhos para usar depois – porque nunca uso e eles só se acumulam – resolvi usar todos as sobras para fazer flores. Já tenho uma caixa cheia delas e agora inventei uma bem básica, que é perfeita para aproveitar até os pedaços pequenos de fio.

Continuar lendo